Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Dia Mundial da Gratidão

22.09.16publicado por Gato Pardo

Tal como muitos aqui, alguns dos meus amigos mais próximos julgavam que eu já havia morrido e parte de mim já tido sido devorado por linces ibéricos que por engano haviam entrado pela minha marquise em busca do advogado da Angelina Jolie. Mas não, ainda não. E como estou vivo, isso significa beber café (continuo a ser um ex fumador...por ora) e dizer mais de uma dúzia de caralhadas numa frase de 5 palavras de três letras cada só porque sim. Faz parte do meu apanágio e alegria de viver.

No entanto, é inegável que não estou bem. Não me sinto bem. Se existisse um Nobel da Medicina para a ironia médica mais cruel a absurda de sempre, eu ganhava-o...

- Doutor, deixei de fumar!

- Mas isso é óptimo...

- Não, porra!!! Nunca me senti pior na p*ta da minha vida...

Através desse meu amigo (que passou o café inteiro a olhar para mim como alguém que olha para os familiares de um defunto numa missa de corpo presente e tenta encontrar algumas palavras decentes e ao mesmo tempo, rezar a todos os santinhos para que aquele longo suspiro antes de ter acendido mais um cigarro não venha a ser a causa de uma qualquer frustrada tentativa de suicídio minha por excesso de visionamento da Casa dos Segredos...), vim a saber que ontem (sim, estou a escrever isto a tarde e a más horas, como de costume) foi o Dia Mundial da Gratidão.

- Tens algo a agradecer a alguém? - perguntou-me ele.

- Claro. Agradeço-te que não mandes o fumo do teu cigarro para cima de mim.

- Ainda te incomoda?

- Não. É que podes acabar vítima de um homicídio, só isso. Estou apenas a zelar pelo teu bem estar, nada mais.

Se eu tenho algo a agradecer... Agradeço o acordar todos os dias, porque já senti na pele a vida a fugir-me, a luz ao fundo do túnel e digo-vos...é uma grande m*rda. Agradeço ter um trabalho para poder reclamar dele, um vencimento para estar constantemente a f*der a contabilidade que ele é baixo demais e uma pausa para cigarro agora que deixei de fumar. Agradeço a mim mesmo desde o dia 28 de Janeiro de 2016. E curiosamente, quero mesmo mas mesmo agradecer à Angelina Jolie e ao Brad Pitt pelo casamento deles ter ido com os porcos. Não por maldade, sejamos claros. Mas apenas por me provarem que o karma é mesmo uma coisa f*dida e que independentemente dos anos que passem, o equilíbrio cósmico é uma cena mesmo muito marada (isso e eu ter deixado de fumar). E se há equilíbrio, então alguém tem uma dívida incomensurável para comigo.

Há coisas beras que um gajo releva

Há coisas más que um gajo esquece.

E há atitudes tão profundamente porcas que são simplesmente imperdoáveis.

Vejamos se ao expurgar toda esta minha "gratidão", as coisas normalizam aqui. A ver se na próxima semana chamo a senhora da limpeza, vou comprar uns detergentes ao LIDL e tirar as teias de aranha a este cantinho de má fama literária e humor negro. Vocês precisam de alguém que vos faça rir e eu preciso de escrever. É um match made in heaven.